Páginas

domingo, 13 de maio de 2012

O DESÂNIMO A ARMA DE SATANÁS PARA DESTRUIR VIDAS


                                        “Não te mandei EU, Esforça-te e tem bom ânimo

Introdução 
  
   Não são poucas as expressões que ora encontramos na Bíblia, ou melhor, Deus encorajando pessoas como: reis, nações, para que seguissem em frente. Mas, quais as razões que leva-nos a perdermos o foco, o alvo, é claro que especialistas na área humana tendem a dá diagnósticos de diversas formas, mas quase sem resultados satisfatórios, porém, vejamos alguns textos que levam-nos a confiar nas promessas de Deus: Êx. 14.15-18; Jos. 1.9; Jz. 6.11-12; II Cr. 15.2 e 7.

  Diante disto, ou das razões que são diversas as pessoas estão vivendo uma doença a qual podemos chamá-la de “paranoia”, ou melhor, quando por diversas consequências vemos resultados desastrosos. E o fator é o que Chamamos de “O mal do século”, onde ninguém quase não está satisfeito consigo e nem com os outros.

  Então daí, há uma divergência de compatibilidade, ou melhor, não consegue convergir com seus semelhantes. Não se configura nada de bom para um contexto atual, ou seja, só encontram caminhos cheios de pedras e espinhos. Destarte, o que faremos diante de tudo isto, ou vamos ficar a absolvermos fatos inadequados a nossa vida, ou permitamos que o “Desanimo” venha nos destruir.

I-SIGA A DEUS

    Ora, quando parece que não existe mais solução, sempre há uma luz no final do túnel. É verdade que sempre haverá percalços para nos desvirtuar da direção de Deus, e de nossos projetos e sonhos. É tanto que, por divina revelação o Espírito Santo “Inspirou o autor aos hebreus” dizendo: “Olhando para Jesus o Autor e Consumador da Nossa Fé” – Heb 12.1-2a.

   Diante o que estamos escrevendo, podemos trazer lhes a lembrança de tudo o que Jesus passou para chegar até o Calvário. Ou melhor, travou-se uma luta, as trevas o cercaram para fazerem com que Ele desistisse, mas jamais, pois conseguiu chegar até o ápice de seu sofrimento, para então nos dizer que nem tudo estar perdido – Fil 2.4-11.

II-NÃO DESISTA DE SEUS SONHOS
           
  Quantos que chegam perto de nós e até mesmo pessoas bem próxima para dizermos “palavras desanimadoras”. Ou melhor, assim é o trabalho do Diabo, ele fez de tudo para que Jesus não fosse à Cruz, e se isto tivesse acontecido estaríamos perdidos – Mt 4.1-7.

  Há muitos que querem matar nossos projetos e sonhos, e parece que não, de onde não esperamos é justamente o que acontece. E diante disso sabemos discernir pelo Espírito de Deus que a “Inveja” é o estigma que tem feito que sonhos e projetos não sejam realizadosDizem os grandes especialistas nos assuntos relacionados ao comportamento humano que as pessoas têm inveja porque são doentes, ou melhor, tal ato além de ser uma covardia é falta de capacidade.
  Todavia, não pare, vá em frente e tente superar os obstáculos, sejam eles profissionais, ou mesmo espirituais. Não deixe que pessoas invejosas matem seus sonhos, pois mais sofreu Jesus Cristo, mas Ele foi e é o Grande Exemplo para aqueles que querem viver uma vida vitoriosa diante de Deus.

III-ACREDITE QUE POR DEUS PODEMOS TUDO

   A maior condição que Deus deu ao homem foi justamente a de que ele vivesse conforme a suas promessas. Ou melhor, foi do agrado do Senhor que assim vivêssemos felizes, mas no decurso do tempo surge algo para nos desvirtuar da presença de Cristo.

  Ora, quem nunca viveu dias difíceis na vida, por acaso somos melhores do que o Senhor Jesus Cristo? Que tudo sofreu, mas não desistiu e mostrou que É O Grande Vencedor – Ap 1.12-18. Não adiante alguém dizer que você não vai vencer, ou que tudo está perdido, lembre-se que o teu Deus diz o contrário, creia que a nossa vitória estar garantida. Não obstante sermos falhos, mas temos “Um que é “Denominado Como O Leão da Tribo de Judá”. Paulo vivendo isto pôde dizer  com toda convicção: “Posso todas as coisas Naquele que me fortalece...”.

   É preciso que saibamos ter em mente que não seremos sucumbidos, pois por mais que Satanás queira nos destruir jamais conseguirá. Ou seja, saibam todos que estamos debaixo das Asas do Altíssimos, ou assas essas protetoras – Sal 91.1-12. Quem cantou ou canta para ver a nossa destruição, ou ver os nossos sonhos destruídos estão equivocados e viverão para assistirem de pé que “Deus é Aquele que trabalha por aquele que Nele Espera” – Is 64.4.

     Parece que não, Jesus mesmo disse assim: “Os inimigos do homem são os de sua própria casa”. É verdade, Ele disse que passam o céu e a terra, mas suas Palavras não hão de passar. Dentro da Igreja e ministérios existem pessoas que são verdadeiros assassinos de profetas. Ou melhor, perseguidores daqueles que Deus escolheu para fazer a sua Obra aqui na terra, ou seja, contribuir com a Igreja para o bem daqueles que não conhecem a Jesus Cristo. São fingidos e desonestos, carregam em seus corações o estigma da intolerância contra seus irmãos.

   Mas diante de tudo isto, é bem provável que você como servo de Deus tem passado por diversos sofrimentos e perseguições. Destarte, não desiste, porque se sofremos aqui, existe um lugar além daqui que nos espera. Lá não haverá perseguição, morte, dor e nem fingimento, ingratidão, injustiça, e tudo o que existem na terra de Adão. Todavia, é óbvio que não entrarão nada disso porque lá é um lugar onde “Habita a Justiça” – e Toda a Perfeição. Portanto, o antídoto de tudo isso, Paulo expressou de forma contundente quando disse: “Quem nos separará do amor de Cristo? A tribulação, ou a angustia, ou a perseguição, ou a fome, ou a nudez, ou o perigo, ou a espada?... No entanto, no final ele diz: Mas em todas estas coisas somos mais do que vencedores, por Aquele que nos amou. Porque estou certo (convicto) de que nem a morte, nem a vida, nem os anjos, nem os principados, nem as potestades, nem o presente, nem o porvir, nem a altura, nem a profundidade, nem alguma outra criatura nos poderá separar do amor de Deus, que está em Cristo Jesus nosso Senhor” – Rom 8.31-37-39.


É proibida a reprodução desses escritos sem a devida autorização do autor, salvo pequenos trechos, e com a citação da fonte – Direitos autorais Lei 9.610/98 (Art. 184 do Código Penal).


2 comentários:

  1. Meu amado, nada do que tens é teu, e tudo que recebeste é para compartilhar, se alguem deve ser mencionado esse alguem é Jesus Cristo, sem o qual nada terias. Deus te abençoe.

    ResponderExcluir
  2. Amém! Somos o nada de que Deus se utiliza para abençoar os milhares que precisam de sua ajuda. Shalon!

    ResponderExcluir